17 de fev de 2015

Padrões da Beleza - Por Carolina Santos

Duas fotos ilustram uma mulher nua com seu corpo todo pontilhado e ela com a boneca Barbie na mão.


Texto que escrevi para o blog das Inclusvass
Fui Lá e Arrasei!

Assim foi a frase da candidata a Garota Verão que mesmo sabendo que estava fora dos pradões de beleza se inscrevei em um concurso onde padrão é tudo para concorrer ao titulo disputado por muitas garotas no RS, corajosa e com muita atitude foi lá e quebrou os padrões de beleza mostrando que toda mulher tem sua beleza própria.

Quando nascemos já viemos ao mundo rodeadas de esteriótipos que nos cercam durante nossa vida,
somos conduzidas a acreditar que temos que estar sempre perfeitas, com o corpo em dia, que temos que ser bonitas para termos um bom emprego, e que dependemos destes padrões de beleza para amar e sermos amadas, assim definimos esta cultura da beleza onde a mídia atua profundamente nestes padrões nos dando a entender que somos escravas de nossa própria beleza, sim escravas de produtos de milagrosos e assim nos mulheres construímos em nossas mentes uma imagem de corpo e rosto que não são reais e sim impostos por industrias de beleza, mas quem ganha com isso?
Quem ganha com isso são as empresas que faturam alto por ano com produtos cada vez mais avançados e ganhando adeptas por todo mundo.
Temos que sermos mulheres perfeitinhas aos olhos da sociedade ou até mesmos sermos uma Barbie, uma boneca que trás consigo estes esteriótipos desde que somos criança, corpo perfeito, tudo perfeito, não podemos envelhecer se não saímos dos padrões, ser jovem é questa de beleza e em muitas vezes exigem muitos sacrifícios, desencadeando ao longo de nossas vidas outros transtornos como a depressão, bulimia e anorexia mas porque? Por que não somos poupadas nem quando somos crianças que ao invés de brincarmos com bonecas passamos a sermos usadas em propagandas, campanhas de beleza deixando de lado o lado infância de ser.

Você que esta lendo este artigo e já é mãe quais foram as dúvidas antes de engravidar, não terei mais o mesmo corpo, ficarei gorda, meu seio cairá com certeza estas foram suas maiores dúvidas antes de serem mães e a minha também, assim como nos perguntamos como que as atrizes em pouco tempo conseguem voltar a seu corpo anterior, sabe qual a resposta, dinheiro, sim elas podem pagar babas para cuidarem dos seus filhos enquanto se dedicam a academias, personal Trainee e clinicas, muitas delas dependem destes padrões para se manterem na mídia.

Hoje com o avanço das tecnologias podemos contar com ferramentas que auxiliam quando algo não esta bem, como uma espinha, tatuagem, celulite,estrias o photoshop é um grande auxiliar nestas questões, mas fica a pergunta o que é mais importante neste mundo de beleza e mulher e ter o corpo e o rosto perfeito ou poder ser feliz com as imperfeições que a natureza nos dá ao longo de nossas vidas, será que não poderemos envelhecer, teremos que sempre sermos uma boneca.
Você já parou pra pensar como é bom ao levantar pela manhã e olhar-se no espelho e ver sua real imagem refletida nos espelho e poder se orgulhar do que vê sem brigar com ele.

Por isso faça as pazes com ele todos os dias, só assim você estará se aceitando como é realmente.
Mas já falamos em um modo geral de beleza vamos falar um pouco das mulheres com deficiências e seus padrões de beleza.

Nós mulheres com Deficiência também vivemos estas mesmas situações, estamos rodeadas de algo mais, o próprio preconceito contra nós mulheres e o preconceito sobre a deficiência em si faz com que também sofremos por estes esteriótipos de beleza, ser mulher com deficiência pior ainda, quem vai olhar para uma mulher com deficiência se não um olhar de pena, quem vai dar emprego, quem vai amar.

Sofremos os mesmos transtornos que as demais mulheres, nós preocupamos com nosso corpo e beleza porque somos vista como assexuadas e como pessoas que tem falhas com necessidades de serem arrumadas e assim não construímos família, com esta falta de humanização faz com que muitas mulheres fiquem aos cuidados da família deixando de lado o querer viver, a depressão é um dos principais fatores nestas mulheres, o cuidado consigo mesmo fica de lado, muitas por term alguma deficiência que transforme seu corpo se acham feias vitimas da própria deficiência assumindo com elas o ser DIFERENTE na sociedade, o passo para deixar estas questões de lado é muito longo por que a sociedade nos rotulas com seu próprio preconceito e quebrar estes tabus sobre deficiência e mulher se torna algo mais dificil para quem jã tem que viver sobre olhares.

Para finalizar este texto quero lembrar que muitas mulheres perdem suas vidas durante o ano ou são mutiladas por irem em busca da  perfeição, então vale a pena repensar estas questões e ser feliz com seu corpo respeitado a sua naturalidade.
Embora não acha estatísticas que apontem estes estudos as mulheres continuam sendo são vitimas de sua própria vaidade OU NÃO?




Fonte: inclusivass

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu recado. Obrigado por participar pois sua opinião é importante para eu continuar meu trabalho.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...