.cloud-label-widget-content { text-align: left; } .label-size { background: #5498C9; border-radius: 5px; display: block; float: left; margin: 10px 6px 3px 0; color: #fff; font-family: 'Arial',"Segoe UI",Arial,Tahoma,sans-serif; font-size: 11px; text-transform: uppercase; } .label-size:nth-child(1) { background: #F53477; } .label-size:nth-child(2) { background: #89C237; } .label-size:nth-child(3) { background: #44CCF2; } .label-size:nth-child(4) { background: #01ACE2; } .label-size:nth-child(5) { background: #94368E; } .label-size:nth-child(6) { background: #A51A5D; } .label-size:nth-child(7) { background: #555; } .label-size:nth-child(8) { background: #f2a261; } .label-size:nth-child(9) { background: #00ff80; } .label-size:nth-child(10) { background: #b8870b; } .label-size:nth-child(11) { background: #99cc33; } .label-size:nth-child(12) { background: #ffff00; } .label-size:nth-child(13) { background: #40dece; } .label-size:nth-child(14) { background: #ff6347; } .label-size:nth-child(15) { background: #f0e68d; } .label-size:nth-child(16) { background: #7fffd2; } .label-size:nth-child(17) { background: #7a68ed; } .label-size:nth-child(18) { background: #ff1491; } .label-size:nth-child(19) { background: #698c23; } .label-size:nth-child(20) { background: #00ff00; } .label-size a, .label-size span { display: inline-block; color: #fff !important; padding: 4px 10px; font-weight: normal; } .label-size:hover { background: #222; } .label-count { white-space: nowrap; padding-right: 3px; margin-left: -3px; background: #333; color: #fff ; } .label-size:hover .label-count, .label-size:focus+.label-count { background-color: #ff6bb5; }

25 de abr de 2013

DIA INTERNACIONAL DO CÃO GUIA.

Imagem de uma mulher abaixada em frente ao cão guia e passando as mãos nele.

Hoje é um dia muito importante, é o Dia Internacional do Cão Guia. Os cães guia são a maior referência para a população quando falamos de cães de serviço. Isso porque o auxílio ao deficiente visual foi, provavelmente, a primeira função “moderna” de trabalho dos cães para o homem. Moderna porque o cão sempre teve funções para o homem, seja a caça, pastoreio, guarda, tração, etc. Os primeiros cães guia datam da metade do século XVI, e as primeiras escolas de treinamento para cães guia foram fundadas na Alemanha durante a 1ª Guerra Mundial. Estes cães eram treinados para auxiliarem na mobilidade de veteranos de guerra que haviam sido feridos e perdido a visão durante o combate. Eles eram originalmente Pastores Alemães, hoje temos uma grande maioria de Labradores e Golden Retrievers trabalhando como cães guia, muitas vezes um cruzamento entre estas duas raças.
A partir dos cães guia, o homem pôde passar a usar a criatividade para utilizar as habilidades caninas em benefício das pessoas que precisavam delas. Hoje já temos cães de assistência à pessoas com diversos tipos de deficiência física (visual, auditiva, motora, locomotora,…), temos cães de assistência para o autismo, diabetes epilepsia e até mesmo cães que têm a função de identificar células cancerígenas em humanos. E muitas outras funções tem sido atribuidas aos cães, como os cães terapeutas, auxiliando sessões de terapias para o tratamento de saúde humana.

No Brasil a realidade dos cães de serviço é que ainda é uma área deficiente de recursos e conhecimento. Por mais que a lei garanta que o cão guia (só eles, por enquanto) podem ter acesso à TODOS os lugares, eles ainda sofrem do preconceito de algumas pessoas, e seus donos ainda precisam se apoiar na lei e lutar para que seus direitos sejam garantidos.
Mas com a informação, geração de conhecimento e educação podemos chegar longe. Até o dia em que veremos cães de serviço executando as mais diversas tarefas e auxiliando pessoas em necessidade em todos os lugares, sejam shoppings, escolas, hospitais, escritórios, metro, ônibus,… Veremos então um enorme respeito à estes seres que nos servem com prazer, amor e carinho, e que nos inspiram e mostram o quão melhores podemos ser.
Sugerimos aqui alguns links de instituições e projetos que trabalham para a promoção do cão guia no Brasil, seja treinando ou importando e adaptando estes cães para que possam ser doados para os deficientes visuais. Vale a nossa visita e apoio:
Escola de Cães Guia Helen Keller - http://www.caoguia.org.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu recado. Obrigado por participar pois sua opinião é importante para eu continuar meu trabalho.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...