.cloud-label-widget-content { text-align: left; } .label-size { background: #5498C9; border-radius: 5px; display: block; float: left; margin: 10px 6px 3px 0; color: #fff; font-family: 'Arial',"Segoe UI",Arial,Tahoma,sans-serif; font-size: 11px; text-transform: uppercase; } .label-size:nth-child(1) { background: #F53477; } .label-size:nth-child(2) { background: #89C237; } .label-size:nth-child(3) { background: #44CCF2; } .label-size:nth-child(4) { background: #01ACE2; } .label-size:nth-child(5) { background: #94368E; } .label-size:nth-child(6) { background: #A51A5D; } .label-size:nth-child(7) { background: #555; } .label-size:nth-child(8) { background: #f2a261; } .label-size:nth-child(9) { background: #00ff80; } .label-size:nth-child(10) { background: #b8870b; } .label-size:nth-child(11) { background: #99cc33; } .label-size:nth-child(12) { background: #ffff00; } .label-size:nth-child(13) { background: #40dece; } .label-size:nth-child(14) { background: #ff6347; } .label-size:nth-child(15) { background: #f0e68d; } .label-size:nth-child(16) { background: #7fffd2; } .label-size:nth-child(17) { background: #7a68ed; } .label-size:nth-child(18) { background: #ff1491; } .label-size:nth-child(19) { background: #698c23; } .label-size:nth-child(20) { background: #00ff00; } .label-size a, .label-size span { display: inline-block; color: #fff !important; padding: 4px 10px; font-weight: normal; } .label-size:hover { background: #222; } .label-count { white-space: nowrap; padding-right: 3px; margin-left: -3px; background: #333; color: #fff ; } .label-size:hover .label-count, .label-size:focus+.label-count { background-color: #ff6bb5; }

25 de mar de 2013

Lei do assento exclusivo nos ônibus torna obrigatório o bom senso dos passageiros na Capital.

Charge mostra um cadeirante segurando uma corta pressa no ônibus.

Quantas vezes entrei no ônibus que mesmo sendo adaptado e tendo o espaço para que o cadeirante fique com segurança via as pessoas ficarem sentadas no assento preferencial sem se darem por conta que eu teria que ficar naquele espaço e o cobrador chamar a atenção para que a pessoa saísse e eu pudesse utilizar o espaço, assim como já vi muitas vezes as pessoas não darem o lugar mesmo sendo assento exclusivo uma atitude de EDUCAÇÃO de cada um.

A lei do assento exclusivo prevê multa ao motorista ou cobrador que não advertirem passageiros sentados nos locais exclusivos, além disso os usuários que se negarem a ceder o lugar para quem tem direito de ocupá-lo podem ser levados para a delegacia.
A legislação, na verdade, torna obrigatório aquele gesto educado dos passageiros em darem a preferência da poltrona livre para gestantes, idosos, obesos e pessoas com deficiência física. Ela passa a determinar o que já é sugerido no caso dos assentos preferenciais.
O diretor-presidente da EPTC, Vanderlei Capellari, diz que apesar de o texto prever punições, os assentos não precisam ficar vagos em casos de ônibus lotado sem nenhum passageiro adequado ao local exclusivo. Ele diz que o objetivo não é constranger nenhum usuário, mas fazer com que tenham bom senso em primeiro lugar.
A EPTC deve fazer a partir de agora uma campanha educativa para que os usuários respeitem cada vez mais a lei. Os assentos preferenciais, logo após a roleta, continuam valendo.
Fonte:http://gaucha.clicrbs.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu recado. Obrigado por participar pois sua opinião é importante para eu continuar meu trabalho.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...