.cloud-label-widget-content { text-align: left; } .label-size { background: #5498C9; border-radius: 5px; display: block; float: left; margin: 10px 6px 3px 0; color: #fff; font-family: 'Arial',"Segoe UI",Arial,Tahoma,sans-serif; font-size: 11px; text-transform: uppercase; } .label-size:nth-child(1) { background: #F53477; } .label-size:nth-child(2) { background: #89C237; } .label-size:nth-child(3) { background: #44CCF2; } .label-size:nth-child(4) { background: #01ACE2; } .label-size:nth-child(5) { background: #94368E; } .label-size:nth-child(6) { background: #A51A5D; } .label-size:nth-child(7) { background: #555; } .label-size:nth-child(8) { background: #f2a261; } .label-size:nth-child(9) { background: #00ff80; } .label-size:nth-child(10) { background: #b8870b; } .label-size:nth-child(11) { background: #99cc33; } .label-size:nth-child(12) { background: #ffff00; } .label-size:nth-child(13) { background: #40dece; } .label-size:nth-child(14) { background: #ff6347; } .label-size:nth-child(15) { background: #f0e68d; } .label-size:nth-child(16) { background: #7fffd2; } .label-size:nth-child(17) { background: #7a68ed; } .label-size:nth-child(18) { background: #ff1491; } .label-size:nth-child(19) { background: #698c23; } .label-size:nth-child(20) { background: #00ff00; } .label-size a, .label-size span { display: inline-block; color: #fff !important; padding: 4px 10px; font-weight: normal; } .label-size:hover { background: #222; } .label-count { white-space: nowrap; padding-right: 3px; margin-left: -3px; background: #333; color: #fff ; } .label-size:hover .label-count, .label-size:focus+.label-count { background-color: #ff6bb5; }

1 de nov de 2012

Ex-BBB Fernando Fernandes ignora deficiência e salta de paraquedas

Foto de Fernando no paraquedas.


Com equipamentos diferenciados, salta da altura de quatro mil metros em queda livre e é o primeiro lesionado medular a aterrizar sozinho em solo
Fernando Fernandes conquistou mais uma marca histórica. Após dois anos de preparação, pela primeira vez um lesionado medular encarou um salto de paraquedas e aterrizou sozinho em solo. Com ajuda de instrutores e equipamentos diferenciados, o atleta paralímpico, ex-participante do reality show Big Brother Brasil, encarou o desafio e pulou de uma altura de quatro mil metros.
   - Isso soma na canoagem e na minha vida. Você aprende a controlar seus medos. Você tem que vencer o medo diariamente.
   Vontade de viver não falta para Fernando. O mais difícil foi encontrar um instrutor que topasse o desafio. Por não ter o controle do corpo da cintura para baixo, o risco de algo dar errado na hora do salto assustou muita gente. Mas ele não desistiu e convenceu João Tambor. Com 25 anos de experiência em paraquedismo e mais de 14 mil saltos, o instrutor apoiou Fernando no novo desafio.
   - Quando fiquei sabendo o que ele queria, fiquei muito contente de poder ajudar a concretizar esse sonho, esse projeto.
   A parceria deu certo. Os treinos foram exaustivos. Diferente do salto duplo, no qual o instrutor está no comando e o aluno é apenas um passageiro, Fernando saltou em queda livre. Nessa modalidade, dois instrutores saltam junto com o aluno, mas apenas como guias.   Na altura de 2 mil metros, eles soltam o aluno e o próprio aciona o paraquedas, faz a navegação e a aterrissagem sozinho.
   - Ah, é uma mistura de tudo. É medo, com ansiedade, com vontade, com liberdade – afirmou Fernando.
   Adaptações foram necessárias nos equipamentos. Fernando treinou em um tubo de vento durante meses. Simulações de queda livre se repetiram para que nada pudesse dar errado.
   - Pensamos em estabilizar as duas pernas dele. Como ele não tem força na perna, então bloqueamos o joelho dele um pouquinho acima de 90 graus, para que quando ele estivesse em queda livre, a perna não ficasse solta – explicou o instrutor.
   Mas deu errado. Na hora do salto, o atleta ficou com as costas virada para o chão. Um imprevisto que assustou a todos, mas que foi resolvido com a sabedoria dos professores. Eles tentaram virar o corpo de Fernando e colocar na posição correta durante a queda, mas não foi possível. A solução foi soltar o paraquedas para o atleta e aí permitir que ele completasse o salto sozinho.
   “É medo, com ansiedade, com vontade, com liberdade” Fernando Fernandes”
    - A gente estava caindo na posição invertida, ele estava caindo de costas.
   Cheguei perto dele e achei que ele estaria com aquela cara que o aluno de primeiro salto faz, com o olho saltando para fora dos óculos. Mas não, ele estava sorrindo – contou João Tambor.
   A manobra final foi orientada por rádio. O passo a passo foi dado para que Fernando pousasse no lugar certo, sem mais complicações. E quando pisou no solo, a emoção tomou conta do atleta.
   - É muita adrenalina, muita, muita, muita adrenalina – vibrou Fernando.
   Já são seis desafios cumpridos pelo ex-BBB. Uma marca de superação e esforço. Fernando Fernandes pretende quebrar mais tabus e mostrar que com força de vontade, nada é impossível.
   - É uma paz de espírito. Parece que é um momento meu com Deus. Não tem palavras para dizer o que é aquilo. Parece que você grita e ninguém te ouve.

Fonte: Globo Esporte

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu recado. Obrigado por participar pois sua opinião é importante para eu continuar meu trabalho.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...