8 de set de 2012

O que é Espasticidade?

Desenho explicando o que é espasticidade.

ESPASTICIDADE é uma desordem do movimento que se desenvolve gradualmente em resposta a perda parcial ou total  do controle exercido pelo cérebro sobre a medula espinhal. É caracterizada por aumento da resistência aos movimentos passivos (aqueles realizados por outra pessoa e não pela pessoa que sofreu a lesão medular) das articulações, por presença de espasmos (movimentos involuntários) flexores e/ou extensores (movimentos de dobrar e esticar que são realizados sem a nossa vontade).

VANTAGENS DA ESPASTICIDADE

a) O aumento da espasticidade pode ser um aviso e servir para preveni-lo de que existe algum problema em áreas que você não pode sentir. Por exemplo, uma infecção ou um machucado podem fazer a espasticidade aumentar;

b) A espasticidade ajuda a manter o trofismo muscular (reduz a atrofia, que é o emagrecimento, a diminuição da massa muscular) e a resistência dos ossos;

c) A espasticidade ajuda a circulação do sangue;

d) Você pode aprender a utilizar a espasticidade de forma funcional, como por exemplo, usar a espasticidade extensora para ficar em pé.

DESVANTAGENS DA ESPASTICIDADE

a) A espasticidade pode interferir em muitas atividades do seu dia-a-dia, tais como o sono, o posicionamento no leito da cadeira, a higiene pessoal, a capacidade de realizar cateterismo e transferências sem auxílio, a capacidade de dirigir, etc.;

b) Pode causar ferimentos em sua pele e provocar escaras;

c) Pode causar limitação de movimentos articulares.

O QUE FAZER?

Na maioria das ocasiões a espasticidade pode ser bem tolerada e você pode se beneficiar com ela. Algumas vezes, entretanto, ela pode atrapalhar bastante. Se isso estiver acontecendo com você, existem alguma providências que você pode tomar para tentar diminuí-la:

1 - Fazer exercícios regularmente;

2 - Evitar estímulos que você já descobriu que agravam sua espasticidade (como movimentos muito bruscos, certas posições do corpo, etc.);

3 - Proteger seus pés e pernas, para que não batam em objetos pontudos ou duros;

4 - Usar talas, correias e/ou cintos de segurança, de acordo com as orientações de seu terapeuta.

Fonte: Google

Um comentário:

Deixe seu recado. Obrigado por participar pois sua opinião é importante para eu continuar meu trabalho.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...