13 de ago de 2012

"A menina da cadeira de rodas".

Eu e minha cadeira de rodas.


Lá vem ela na roda


Na roda da cadeira


Da cadeira de rodas.


Lá vem ela com alguém atrás


Empurrando uma vida


A quem sozinha não faz.


Apática, distraída


O mundo lhe é apresentado numa corrida


Corrida de rodas


Em sua cadeira rodante


Onde está o sorriso daquela que não caminha?


Deixou pelo caminho a alegria de viver


Onde está o sorriso daquela que não anda?


Deixou na estrada


Junto ao motorista apressado e seu pai alcoolizado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu recado. Obrigado por participar pois sua opinião é importante para eu continuar meu trabalho.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...